Terça, 14 Novembro 2017 09:18

Seguem presos acusados de participação em roubo a bancos em Miraguaí

Avalie este item
(0 votos)

Fotos: PC/Divulgação

A Justiça de Tenente Portela deferiu o pedido de prorrogação da prisão temporária do vereador e Cacique da Reserva Indígena do Guarita, Valdonês Joaquim, feito pelo Ministério Público. A prorrogação também é para Valdir Joaquim, pai do cacique, que também está preso desde a última quarta-feira, 1. Pai e filho são investigados pelo Ministério Público suspeitos de participação no roubo a duas agências bancárias, no dia 6 de fevereiro deste ano, em Miraguaí. 

Ler 877 vezes Última modificação em Terça, 14 Novembro 2017 11:35

Usuários Online

Temos 1207 visitantes e Nenhum membro online

VITRINE PUBLICITÁRIA

Astor Mallmann – Representante Telha Cer…

Green House

VIVO Multicell - Três Passos

Igreja Dom de Maravilha

Campeão de audiência

Vende-se prédio comercial em Humaitá

Anuncie aqui

Leitor Repórter

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

ESPECIAL

Máquina da prefeitura cai de caminhão em…

ESPECIAL

Morre fundador da Madeireira Larssen e e…

TEMPO

Primeiro o calor, depois a chuva e agora…

ESTADO

Rio Grande do Sul fecha 6.521 vagas de e…

VARIEDADES

Atenção com a Nota Promissória - Por Fer…

ESTADO

Doze prefeituras estão com inscrições ab…

ESPECIAL

Ambulância do SAMU para por falta de man…

JUSTIÇA

Justiça determina sobrinho e município a…

TRÂNSITO

Soldado da BM morre após atropelar caval…

MUNDO

Empresa de colchões procura funcionário …

ESTADO

Ovelha dá à luz quatro cordeiros de uma …

INUSITADO

Homem dirige sozinho até delegacia com f…

...