Quinta, 11 Janeiro 2018 08:35

Justiça nega habeas corpus para bruxo suspeito de esquartejar crianças no RS

Avalie este item
(0 votos)

Foto: Reprodução

O desembargador Sylvio Baptista Neto, da 2ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça, negou nesta quarta-feira o pedido de liberdade do "bruxo" suspeito de ter esquartejado duas crianças durante possível ritual macabro. Assim, o homem seguirá preso por tempo indeterminado.

De acordo com a assessoria de imprensa do Tribunal de Justiça, na decisão, o desembargador pediu mais informações do caso ao Foro de Novo Hamburgo. Detalhes sobre a liminar não foram divulgadas já que o processo tramita em segredo de justiça.

Esse é o segundo pedido de habeas corpus do bruxo negado pela Justiça. O primeiro foi no dia 5, quando o juiz Sandro Luz Portal negou o pedido realizado pela então advogada do investigado, Denise Dal Molin Pellizzoni. Na liminar, Portal alegou que a prisão era necessária "em face da complexidade do crime investigado, cuja dimensão, certamente, oferta obstáculos à investigação policial".

 

CP

Ler 827 vezes

Usuários Online

Temos 21808 visitantes e Nenhum membro online

.......

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

TRÂNSITO

Caminhoneiro morre em acidente na BR-285…

POLÍCIA

Gerente do Sicredi está desaparecido no …

JUSTIÇA

STF reafirma que é crime fugir do local …

ESPECIAL

Jovem é socorrido após cair de prédio ab…

POLÍCIA

Pai mata filho com um tiro de espingarda

CIDADE

Formação de novos soldados começará no d…

TRÂNSITO

Mais uma viatura da Brigada Militar se e…

CIDADE

Sine disponibiliza cinco vagas de empreg…

ESPECIAL

Bebidas e cigarros são apreendidos na BR…

MODA

Veja onze famosos que cresceram com o EG…

MODA

O EGO se despede e relembra flagrantes i…

MODA

Relembre as 10 reportagens de beleza mai…